Ciência  SãO PAULO 09/02/2012
Meio Ambiente

Rede ibero-americana em ambiente e sociedade é formada na Unicamp

Desafio do grupo é integrar diálogos e saberes que envolvam essa questão transdisciplinar

O Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (Nepam), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) realizou em dezembro, um workshop para a criação de uma rede ibero-americana de pesquisa em ambiente e sociedade. O foco é debater as dimensões humanas das mudanças ambientais e climáticas em áreas protegidas e seu entorno. Vulnerabilidade, uso de recursos naturais, sustentabilidade, conflitos sociais e políticas públicas foram temas também tratados, na busca da formação de um sistema de práticas e saberes que crie uma interface entre distintos atores e distintas disciplinas acadêmicas.

 
505 palavras
Ciência  SãO PAULO 08/02/2012
Cultura animal

Os limites da abordagem antropocêntrica na história das relações homem-animal

Visão assimétrica da relação homem-animal, centrada na perspectiva do homem, nem sempre foi dominante

 

Não é preciso ter idade muito avançada para nos lembrarmos do tempo em que se entoavam cantigas infantis do gênero “atirei o pau no gato” ou se contavam historietas onde animais, geralmente lobos, eram representados como astutos inimigos dos homens – sendo que um dos finais “felizes” possíveis (e muito esperado!) era o lobo caindo em um poço, por conta das pesadas pedras que o espirituoso herói havia costurado em sua barriga. Ilustração da artista inglesa contemporânea Sue Coe. Através de um trabalho de cunho político, a mesma se utiliza da intensidade para engendrar a crítica ao sistema capitalista.
2.561 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 07/02/2012
Cultura animal

Nas diferenças e igualdades: linhas tênues separam humanos e animais

Apesar da teoria da evolução ter dado aos humanos a mesma origem daquela dos animais, há tentativas de estabelecer limites que separam ou aproximam uns dos outros

“Não há nenhuma diferença fundamental entre o homem e os animais mais superiores do reino no que diz respeito a suas faculdades mentais”, afirmou o naturalista inglês Charles Darwin (1809 – 1882) em sua obra Origem do homem e a seleção sexual (1871). Responsável pela teoria da evolução que balançou os alicerces humanos revelando sua descendência animal, Darwin também enfatizou que “há uma imensa diferença entre a mente do homem mais primitivo e das espécies animais mais superiores”. Separadas por cerca de 70 páginas na mesma obra, as citações não são contraditórias, como sugerem, mas sim verdadeiras, acredita Bennett Galef, professor emérito do Departamento de Psicologia da Universidade de McMaster no Canadá. “Partindo de uma espécie ancestral comum, houve séries graduais de uma infinidade de pequenas modificações cerebrais que levaram ao desenvolvimento das mentes dos humanos de um lado, e dos demais primatas de outro; o resultado disso foi uma vasta diferença quanto ao desempenho das mentes de cada uma das espécies descendentes”.

 

 

 

1.613 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 16/01/2012
Cultura animal

Humanos e não-humanos são iguais perante a lei?

Direitos dos animais têm sido revistos a partir da Declaração Universal proclamada em 1978

 

A visão antropocentrista, desde há muito arraigada na cultura ocidental, entende o homem como um ser superior aos demais animais por possuir uma linguagem e capacidade de raciocínio mais desenvolvidas que outros seres vivos. Características como a solidariedade, a bondade, a empatia e a capacidade de aprender são – nesta concepção que coloca o homem no centro do universo – comumente classificadas como específicas da espécie humana. Em consonância com essas ideias, está a crença de que somente aos homens caberia o direito a ter direitos. No entanto, nos últimos anos surgem polêmicas sobre a possibilidade de animais também terem direitos. Críticos dessa perspectiva argumentam que os animais não têm a capacidade de fazer parte de contrato social, de fazer escolhas morais e que não podem respeitar o direito de outros ou não entendem esse conceito. Perros (Imagen: Universidad de Chile)
1.578 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 13/01/2012
Cultura animal

Experimentação animal: o debate na universidade e nos laboratórios de pesquisa

Difundida amplamente durante o século XVIII, prática passou a ser questionada a partir do final do século passado

 

O uso de animais na experimentação científica foi largamente difundido durante o século XVIII, e apenas a partir do final do século passado essa prática passou a ser fortemente questionada. Tais questionamentos obtiveram marcos importantes, como a proibição, na Europa, dos testes de produtos cosméticos acabados e de parte de seus constituintes em cobaias, bem como o banimento de experimentos invasivos em chimpanzés, em 2010, por 27 membros da União Europeia, deixando os EUA e o Gabão como últimas nações a realizar tais experimentos. Este pode ser o início de um movimento que atingirá também outras espécies animais. Ratón de laboratorio (FOTO: Infouniversidades).
2.047 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 10/01/2012
Cultura animal

Eduardo Ottoni

Etólogo da USP fala do conceito de cultura em animais e daquilo que se sabe ser exclusivo dos humanos, como a linguagem e a cumulatividade da nossa cultura.

Os exemplos mais conhecidos, quando se ouve falar em cultura animal entre os seguidores de Darwin, são os de grandes primatas com tradições comportamentais que não são transmitidas geneticamente, e sim pela interação social. Eduardo Ottoni, do Laboratório de Etologia Cognitiva da Universidade de São Paulo (USP), mostrou com suas pesquisas com macacos-prego que pequenos primatas também têm suas tradições comportamentais aprendidas socialmente, tanto no uso de ferramentas para facilitar a alimentação quanto em relação ao comportamento sexual. Nesta entrevista, ele fala da diferença do conceito de cultura para antropólogos e primatólogos e do papel que ele tem nos propósitos de estudo de cada área e aponta algumas distinções humanas. “Na natureza, você vê uma novidade acontecendo no repertório cultural de um primata não-humano, por exemplo, muito de vez em quando. 

en_ottoni
3.163 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 09/01/2012
Cultura animal

Novos conhecimentos e movimentos sociais questionam os usos dos animais

Principal motivação é o reconhecimento de que são seres capazes de sentir prazer e dor
No dia 1º de novembro de 1994, a organização inglesa Vegan Society completava 50 anos. A data foi escolhida como o Dia Mundial Vegano e é comemorada hoje em várias partes do mundo. Foi nesse ano que Donald Watson, fundador da organização, criou o termo vegan, com o objetivo de significar muito mais que vegetarianismo – uma opção alimentar -, mas uma nova atitude, recusando qualquer tipo de produto ou prática que envolvesse a exploração dos animais. Embora seja um movimento recente, as origens do veganismo remetem a uma mudança de pensamento muito mais ampla. Cerdos alimentándose.
977 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 15/12/2011
Meio Ambiente

Lei de verticalização em Caraguatatuba pode causar danos socioambientais

Políticos do litoral norte de São Paulo, Brasil, aprovaram projeto de lei que permite a construção de prédios com o dobro do tamanho do que é atualmente permitido no município

Os vereadores de Caraguatatuba, no litoral norte paulista, no Brasil, aprovaram em novembro, projeto de lei que permite a construção de prédios com o dobro do tamanho do que é atualmente permitido no município – do limite de 9 andares de agora, passaria a ser legalizada a construção de edifícios de até 18 andares (54 metros). A liberação foi inserida no Plano Diretor do município e está dependendo de sanção do prefeito Antonio Carlos da Silva (PSDB), autor do projeto. Pesquisadores envolvidos em projeto da Unicamp que tem o litoral norte como objeto de estudo (Projeto Clima) avaliam tal modificação legislativa como preocupante em termos urbanísticos e ambientais.

 
980 palavras
Ciência  SãO PAULO 14/12/2011
Percepção de C&T

Pesquisa sobre o interesse jovem na ciência é lançada em livro

Hábitos informativos sobre ciência e tecnologia foi um dos temas abordados na publicação
Lançado livro que traz os resultados de uma pesquisa realizada entre 2008 e 2010, em países ibero-americanos, acerca do interesse dos jovens por assuntos ligados à ciência e tecnologia. Com um questionário conjunto, a pesquisa foi aplicada a nove mil estudantes de nível médio de algumas capitais, cidades e respectivas áreas periféricas, quais sejam: Assunção (no Paraguai), Bogotá (na Colômbia), Buenos Aires (na Argentina), Lima (no Peru), Madrid (na Espanha) e Montevidéu (no Uruguai), além de São Paulo (no Brasil). Cada instituição participante aplicou um questionário padrão a jovens de 15 a 19 anos e ficou responsável pela análise de resultados e produção de artigo de um aspecto relativo à pesquisa. Foram pesquisadas escolas públicas e privadas.
719 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 13/12/2011
Saúde

Amnésia alcoólica pode levar a confiar em fontes de informação pouco seguras

Esquecimento provocado pelo consumo de bebidas alcoólicas ajudou pesquisadores a compreender melhor o processo de reconstrução da memória.
O esquecimento provocado pelo consumo de bebidas alcoólicas ingeridas por estudantes universitários ajudou pesquisadores do Reino Unido a compreender melhor o processo de reconstrução da memória. Segundo os pesquisadores, “os apagões proporcionam uma excelente oportunidade para estudar as estratégias que as pessoas utilizam para reconstruir experiências esquecidas”. O estudo relatado no artigo "Reconstructing alcohol-induced memory blackouts" (em português, "Reconstruindo apagões de memória induzidos pelo álcool") revela que as pessoas tendem a querer reconstruir os fatos esquecidos, o que pode levá-las a construir falsas memórias.  
413 palavras
Ciência  SãO PAULO 30/11/2011
Literatura

Imponderável deriva ibérica

Livro de José Saramago conta sobre um regresso aos áureos tempos em que reinaram sobre os mares, Portugal e Espanha

Em 1986, ano em que os países europeus assinaram um Ato Único para dar início à consolidação de uma comunidade continental gestada três décadas antes pelo Tratado de Roma, o escritor português José Saramago lança seu sexto romance, A jangada de pedra, que só seria publicado no Brasil dois anos depois. Ante aquele ato político que dava nova força à proposta unificadora da França acatada em 1957 por Alemanha, Itália, Luxemburgo, Bélgica e a atual Holanda, surge essa fábula que rompe os laços físicos da Península Ibérica com o continente, a partir de suas fronteiras com o território francês, e a coloca à deriva, a navegar pelos mares do imponderável.

a jangada de pedra
1.051 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 30/11/2011
Entrevista

Menos estados e territórios e mais soluções para desigualdades regionais

Geógrafo André Martin, da Universidade de São Paulo, critica proposta de criação de novas unidades federativas no Brasil

Contrário às propostas de criação de novos estados, o geógrafo André Martin, da Universidade de São Paulo, comenta sua visão sobre um novo mapa político para o Brasil, com estados mais fortes e com maior representatividade no Congresso. Nas discussões sobre a criação de novas unidades federativas, que poderá deixar o Brasil com mais sete estados e quatro territórios, o geógrafo se destaca, não só por suas críticas aos interesses envolvidos em tais propostas, como pela defesa – na contramão de todos os projetos até hoje apresentados ao Congresso – da fusão dos estados, reduzindo para 14 seu número. Para o pesquisador é preciso dar aos estados maior representatividade e reduzir o desequilíbrio entre eles. Martin concluiu doutorado em Geografia Humana na Universidade de São Paulo (USP), onde hoje é livre-docente, defendendo a tese “As fronteiras internas e a questão regional do Brasil”, em que propôs um novo mapa político para o país. Desde então, desafia cientistas políticos e economistas a encontrar uma solução para as desigualdades regionais e para a disparidade de representação política dos estados sem promover mudanças no território.

andre_martins

 

1.855 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 29/11/2011
Geografia do Brasil

Redesenhando as fronteiras do Pará

Propostas de desmembramento do estado do Pará para a criação de Carajás e Tapajós, geram polêmica

As propostas de desmembramento do estado do Pará para a criação de Carajás e Tapajós, que tramitam no Congresso Nacional, têm gerado muita polêmica quanto à viabilidade das novas unidades federativas. Até o final deste ano, a população paraense terá que decidir em plebiscito se o suposto desenvolvimento dos municípios que constituirão os novos estados compensará os custos envolvidos com a implantação das novas estruturas administrativas. Caso sejam aprovadas as propostas, todos os brasileiros terão que se acostumar com o novo mapa político do Brasil, que se mantinha inalterado há pouco mais de vinte anos, desde a criação do estado do Tocantins.

 

 

2.066 palavras
Ciência  SãO PAULO 28/11/2011
Geografia

Os conflitos pela terra no Brasil

O tema da divisão da terra evoca uma questão recorrente no Brasil: os conflitos fundiários que, no decorrer da história do país, adquiriram diferentes contornos

O tema da divisão da terra evoca uma questão recorrente no Brasil: os conflitos fundiários que, no decorrer da história do país, adquiriram diferentes contornos. De acordo com a doutora em história pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Marina Machado, muitas vezes esses conflitos aconteceram por envolverem divisões territoriais administrativas, construção de limites e de fronteiras. Para ela, é fundamental, também, considerar que tal discussão é atravessada pela questão das disputas entre terras latifundiárias. A expansão - ou não – de uma fronteira explora diferentes aspectos e interesses, de diferentes grupos envolvidos em um mesmo processo (fazendeiros, moradores, grupos indígenas, agentes do governo, representantes da igreja etc.), lembra a historiadora.

 
1.316 palavras
Ciência  SãO PAULO 24/11/2011

O modo como se pensa a divisão da terra

Questão fundiária é resultado dos diversos focos, interesses e articulações em relação à exploração do lugar

No decorrer de nossa história, a questão fundiária no Brasil recebeu diferentes formas de atenção. Os diversos focos, os interesses e as articulações, ou a forma de exploração da terra, são elementos que acabam por formar modos de pensamento sobre a divisão da terra. O Brasil é o único país com extensão continental, em todo o mundo, com estrutura fundiária semelhante à de sua fundação. A primeira legislação fundiária brasileira tem origem no regime sesmarial na época colonial, mas traz consequências para o país até hoje. A lei de sesmaria foi criada em uma situação muito específica para Portugal, e quando implantada no Brasil, que tinha características completamente diferentes, criou um problema.

827 palavras
1 Imagens
Ciência  SãO PAULO 14/11/2011
Física

A torção inesperada na escala nanométrica

Pesquisador demonstra alteração das propriedades mecânicas de um nanofio individual de fosfeto de índio (InP), um semicondutor nanométrico

 

A compreensão de como materiais se comportam é crucial para os avanços científicos alcançados no último século, os quais nos permitem um controle antes impensável sobre esses materiais. Na vida cotidiana, vemos o efeito desses desenvolvimentos como, por exemplo, o controle de propriedades de finas camadas metálicas, que permitiu a construção de discos rígidos suficientemente pequenos para a geração de celulares modernos. A compreensão dos fenômenos que promovem esse e outros avanços nos mostraram que o comportamento da matéria em escalas nanométricas é fundamentalmente diferente daquele que conhecemos. Recentemente, foi demonstrada a alteração das propriedades mecânicas de um nanofio individual de fosfeto de índio (InP), um semicondutor nanométrico. O trabalho foi realizado em colaboração entre o então aluno de doutorado, Luiz Tizei - orientando de Daniel Ugarte, do Instituto de Física da Unicamp - , o Laboratoire de Physique des Solides, em Paris, e o Laboratório Nacional de Nanotecnologia, em Campinas. O estudo foi publicado no último dia 4 na Physical Review Letters (107,195503-1), intitulado “Maior torção de Eshelby em nanofios de de wurtzita InP e medição local da torção do cristal”.

Nanoestructuras en forma de triángulo.
600 palavras
1 Imagens
Educação  SãO PAULO 10/11/2011
Educação

Estimativa de impacto financeiro entre 2011 e 2020

Com base em dados obtidos junto a fontes oficiais, pesquisador analisa plano nacional de educação tendo como pressuposto a ampliação no atendimento, entre outros objetivos

Como ensina a ciência do bom planejamento, a única forma de tornar factível um plano educacional (ou em qualquer outra área) é partir de um diagnóstico objetivo da realidade, em relação ao qual se fixam metas e prazos para o seu alcance e, finalmente, calculam-se os recursos necessários para a sua efetiva implementação, definindo-se as responsabilidades dos entes federativos. Como se sabe, tudo isso faltou ao projeto de lei (PL) 8035 de 2010 enviado pelo poder Executivo ao Congresso Nacional.

 
2.440 palavras
Educação  SãO PAULO 28/10/2011
Educação

A realidade das escolas brasileiras

Entrevistas feitas com alunos, professores e dirigentes trazem à tona problemas que prejudicam o avanço da educação no Brasil

Na semana em que se divulgou que o Brasil tem uma universidade pública entre as 200 melhores do mundo, a Universidade Estadual de São Paulo (USP), o que se pensa é que a educação no país está num bom caminho. E está. Mas há um grande abismo entre as experiências das escolas brasileiras. Diferenças provocadas pela condição socioeconômica das famílias, mas também pelas diferenças socioeconômicas regionais. Também por descaso de autoridades, políticas públicas mal formuladas ou que simplesmente não são seguidas. A falta de continuidade das propostas é outro entrave para que os avanços no sistema educacional brasileiro cheguem a todos os lugares, para todas as crianças, jovens e também adultos. O documentário Pro dia nascer feliz, dirigido por João Jardim e lançado em 2007, aponta algumas dessas discrepâncias.

res_realesco

 

1.309 palavras
1 Imagens
Educação  SãO PAULO 27/10/2011
Educação

Lei de responsabilidade educacional?

O não cumprimento do desenvolvimento da educação compromete gerações inteiras

Nada parece mais razoável do que ter uma lei que responsabilize gestores pelo não cumprimento do desenvolvimento da educação de um povo. A educação é um direito e um bem público, deve ser organizada pelo Estado e, portanto, quem não o faz prejudica gerações inteiras e deve pagar por isso. De certa forma, está 400 anos atrasada. As camadas populares foram, historicamente, as mais prejudicadas nesse processo, quando o desenvolvimento econômico não necessitava de um nível de qualidade educacional maior. Agora, que se impõe o acesso à educação básica como forma de aumentar a produtividade e o consumo, os empresários e seus reformadores educacionais não saem da mídia argumentando a favor da qualidade da educação. Mas qual qualidade?

 
2.054 palavras
Ciência  SãO PAULO 26/10/2011
Tecnologia

Artista propõe sistema para impedir reconhecimento de face por computador

Projeto é destinado a confundir ou cegar os sistemas de reconhecimento facial

Como se esconder de uma máquina? Adam Harvey é um artista e tecnólogo americano formado em Telecomunicações Interativas, na Universidade de Nova York, que tem focalizado essa questão em seus trabalhos, como forma de instigar a contra-vigilância e a proteção da privacidade. Os meios que usa para a problematização desses temas, cada vez mais atuais, vão desde a visão computacional até o design interativo, com o uso de computadores que podem ser vestidos (wearable computing). Um de seus projetos é chamado CV Dazzle (Computer Vision Dazzle) e, como o próprio nome diz, é destinado a confundir ou cegar os sistemas de reconhecimento facial. A palavra dazzle faz referência a um tipo de camuflagem utilizada durante a Primeira Guerra Mundial pelos navios, com o objetivo de dificultar a identificação do tamanho e da direção da embarcação pelos radares.

Reconocimiento facial.
770 palavras
1 Imagens